O presidente Jair Bolsonaro disse que pretende investir no transporte ferroviário no País. Em viagem recente por países do Oriente Médio e Ásia, Bolsonaro disse ter atraído investimentos, os quais ele pode destinar para infraestrutura. “Vou fazer um agrado aqui para o Tarcísio Freitas (ministro da Infraestrutura)”, disse. “Ele é aquel cara que se você der um pedaço de ferro, ele constrói uma estrada”, afirmou. “Queremos aqui ressuscitar o modal ferroviário”, disse, em transmissão semanal ao vivo feita pelo Facebook.

 

Ele disse ainda que falta construir mil quilômetros da ferrovia Norte-Sul. “A previsão é mais um ano e meio para concluir essa obra”, afirmou. “Vamos fazer o Brasil entrar nos trilhos”, disse.

 

Na semana passada, em viagem pela Ásia, Bolsonaro afirmou que o Brasil não tem como interferir no comércio dos dois países e que deve criar condições para chegar de forma mais competitiva em outros mercados. “Temos que fazer a nossa parte”, disse o presidente na terça-feira, 22, no Japão.

 

“Conseguimos, através da infraestrutura, fazer renascer o modal ferroviário, diminuir o preço do transporte, aperfeiçoar tecnologia. Nós podemos fazer a nossa mercadoria chegar de forma mais competitiva nesse país”, declarou.